Banner rotativo

    Mulher é presa em Campo Largo suspeita de roubar e esfaquear dois homens

    0

    Policiais da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) cumpriram, na manhã de segunda-feira, dia 1º, dois mandados judiciais contra um casal suspeito de roubar e esfaquear dois homens, no bairro Água Verde, em Curitiba. Uma mulher de 20 anos foi presa em Campo Largo um homem de 25 anos havia sido preso em flagrante cerca de dez dias depois, em decorrência de outro roubo.

    De acordo com a polícia, o crime aconteceu no dia 23 de agosto, em uma via pública, no bairro Água Verde. Conforme o relato da vítima, o casal se aproximou pedindo um cigarro por volta de 01h30 e logo em seguida anunciou o assalto, pedindo a carteira e o celular da vítima.

    PublicidadePrint

    No mesmo momento o rapaz de 26 anos percebeu que estava perto de casa e então decidiu conversar com o suspeito até que conseguisse chegar em casa, foi quando o suspeito desferiu uma facada pelas costas (na altura da cintura) do jovem. “Os dois entraram em luta corporal e a vítima acabou levando mais três golpes, sendo um no pescoço e dois no rosto”, conta o delegado-adjunto da DFR, Emmanoel David.

    Alguns minutos antes do mesmo dia o casal suspeito fez a mesma abordagem, no mesmo bairro pedindo um cigarro para outro casal. Os dois jovens também estavam próximos de casa e decidiram sair correndo, mas o casal suspeito também foi atrás. “Quando as vítimas já estavam na porta do edifício quase entrando o suspeito alcançou os dois e então desferiu o rapaz com um facada no tórax”, explicou David.

    Os mandados de prisão foram expedidos pela 8ª Vara Criminal de Curitiba. Entretanto, o casal acabou sendo preso pela Polícia Militar no dia 02 de setembro, após cometer outro roubo, no bairro Parolin. O homem suspeito foi reconhecido pelas vítimas e permaneceu preso, já a mulher foi liberada e esteve em liberdade até na manhã de ontem.

    O suspeito pelos crimes já respondeu 11 processos criminais por roubo, ele permanece preso na Casa de Custódia de Piraquara, Rafaela que também já tem passagem por crime de roubo, permanece custodiada pela Polícia Civil à disposição da Justiça.

    WhatsApp Image 2017-11-21 at 14.32.36

    Deixe seu comentário

    Favor escrever seu comentário
    Favor colocar seu nome