Banner rotativo

    Barreiras para o consumo sustentável: preço e desinformação.

    0

    O Instituto Akatu, em ação em prol do consumo consciente, realizou uma pesquisa para avaliar o nível de consciência do consumidor brasileiro. A pesquisa foi denominada “Panorama do consumo consciente no Brasil: desafios, barreiras e motivações”, feita em 2018.

    Constatou que o percentual de consumidores engajados e conscientes vem caindo nos últimos anos.

    PublicidadePrint

    São aqueles consumidores dispostos a tomar atitudes de longo prazo e que tenham um benefício coletivo para a sociedade, como reciclar o lixo e optar por produtos sustentáveis. Em 2006, 33% dos consumidores se encaixavam nestas categorias. Em 2018, este número caiu para 24%. Já o percentual de consumidores indiferentes em relação ao consumo sustentável passou de 25% para 38%.

    Imagem1

    Imagem2

    Imagem3

    Imagem4

    De acordo com Helio Mattar, diretor-presidente do Instituto Akatu “O desafio de tornar o consumidor brasileiro mais consciente é conseguir que ele não tenha a percepção de que o produto sustentável é caro e que ele tenha a informação sobre os impactos sociais e ambientais mais positivos daquele produto”.

    Informações obtidas no sítio eletrônico do Instituto Akatu, www.akatu.org.br

     

    *Os artigos e opiniões publicados são de inteira responsabilidade dos autores, não refletindo necessariamente a opinião dos editores.

    WhatsApp Image 2017-11-21 at 14.32.36

    Deixe seu comentário

    Favor escrever seu comentário
    Favor colocar seu nome