Banner rotativo

Apresentação – Quem é Denilson Rodrigues Marcondes?

0

Meu nome é Denílson Rodrigues Marcondes tenho 25 anos de idade sou uma pessoa apaixonada pela família, que adora tecnologia que ama ajudar o próximo, natural de Prudentópolis no interior do paraná também fui adotado com 3 meses de vida. Sou formado em sistemas de informação e atualmente sou especialista em gestão de projetos e trabalho como assistente de projetos em uma empresa de tecnologia na capital do Paraná que é Curitiba. Aos 15 anos de idade descobri que eu tinha um tumor no cérebro, onde passei por um procedimento cirúrgico para a retirada de um tumor cerebral no dia 03 de junho às 14:30 da tarde do ano de 2011. No mesmo ano que fui submetido ao procedimento cirúrgico, fui diagnosticado TEA (Transtorno do espectro autista).

Eu fui diagnosticado com autismo um pouco tardio, que foi descoberto na adolescência. Na escola eu passei por algumas situações difíceis pois ninguém acreditava em mim, pois muitos dos meus colegas de colégio falavam que eu não iria conseguir ser alguém na vida pois eles me achavam “estranho” isso se repetiu por diversos anos. Eu faço acompanhamento com psicóloga desde meus 05 anos de idade. Que as terapias me ajudam muito o meu desenvolvimento pessoal e também para o meu desenvolvimento profissional. A terapia com a psicóloga me ajuda muito a ter sucesso na vida, ter propósitos, ser uma pessoa bem-sucedida para realizar meus sonhos. Quando frequento uma seção de terapia fico muito feliz, pois é o que me fortalece meus planos e sonhos que tenho para o futuro.

PublicidadePrint

Quando eu descobri que eu sou autista, confesso que fiquei um pouco assustado pois não sabia o que era ser autista. Diante do dia que soube que eu estava dentro do TEA. Fui em busca de informações sobre o tema, efetuei compras de livros sobre. Daí que surgiu a ideia de divulgar sobre o autismo e o dia-a-dia de um autista. Hoje eu tenho ao todo 7.246 seguidores que me acompanham nas redes sociais, incluindo facebook, youtube e instagram. Em meu instagram por exemplo, eu faço transmissões de lives com diversas pessoas, incluindo autistas, profissionais de saúde. Essa experiência de

compartilhar a vida de um autista nas redes sociais está sendo sensacional que é a palavra certa. Muitas pessoas não só autistas mas sim as pessoas em geral me procuram, me mandam mensagens nas redes sociais perguntando como um autista vive, as principais perguntas que são feitas a mim são, como é um autista no mercado de trabalho, como o autista se relaciona com as demais pessoas ao seu redor, essas e outras perguntas que são feitas geralmente.

Eu sempre falo para todo mundo que eu estou disposto a ajudar as pessoas. Ajudar é um ato muito incrível. Eu quando ajudo estou me sinto muito bem, fico muito feliz. Eu como autista passei por momentos difíceis, então não quero que pessoas com o TEA passem pelos mesmos problemas que passei que um deles é o preconceito, ficava muito triste quando meus colegas de sala no ensino fundamental e ensino médio ficavam tirando sarro de mim falando que eu não seria ninguém na vida. Mas com muita persistência superei as dificuldades e estou muito feliz com todas as minhas conquistas. Hoje eu falo que eu estou muito bem comigo mesmo. O que eu aprendi diante desses 25 anos posso ajudar com minha experiência. Sou uma pessoa muito aberta a sugestões e a escutar os demais.

Espero que tenham gostado do conteúdo que eu elaborei com muito carinho a todos vocês. Espero também que eu tenha ajudado. Em breve novos temas aqui no portal metropolitano agora.

Texto elaborado e desenvolvido por:

Denilson Rodrigues Marcondes

Um Grande Abraço

*Os artigos e opiniões publicados são de inteira responsabilidade dos autores, não refletindo necessariamente a opinião dos editores.

WhatsApp Image 2017-11-21 at 14.32.36

Deixe seu comentário

Favor escrever seu comentário
Favor colocar seu nome